AG News

Argentina pode ser excluída da FIFA?

Um dos locais onde o futebol é tão ou mais comentado no mundo é na Argentina. Bicampeã mundial e eterna rival do Brasil, tem muito hermano fazendo história no pais e fora dele.
No entanto, por causa de um caminhoneiro, o futebol argentino pode sofrer um duro golpe nos próximos meses!

O negócio é tão sério, que tanto a Seleção – que disputa a Copa América Centenário nos EUA – quanto o Boca Juniors – semifinalista da Libertadores – podem ser ELIMINADOS das competições que disputam.

treino-argentina

O motivo é uma punição da FIFA por conta de intervenções do governo na Federação de futebol local – coisa que já aconteceu mais de uma vez com a Nigéria, por exemplo. Tudo por causa da Inspeção Geral de Justiça (IGJ), órgão do governo argentino, que exige adiamento das eleições da AFA (Associação de Futebol Argentina) que aconteceria no próximo dia 30 de junho. Além disso, teria nomeado duas pessoas com poder de decisão na AFA.

Se você foi às ruas a favor do INPITMAN e não consegue entender, denuncia-se uma INTERVENÇÃO GOVERNAMENTAL na AFA, o que, segundo a FIFA, exclui a federação da entidade internacional, e por consequência, dos campeonatos organizados ou chancelados por ela – no caso, a Copa América Centenário e a Libertadores.

A justificativa dada pelo governo Macri seria o combate a recentes irregularidades denunciadas contra cartolas do país. Só que, correm boatos de que a motivação de Macri nessa medida é evitar que Hugo Moyano chegue à presidência da AFA.

E quem seria esse cara na fila do pão, você se pergunta. Sim, é o tal ~caminhoneiro~ que citamos no início do post. Na verdade ele é sindicalista, e tem o apoio necessário para formalizar sua candidatura. Ah, e ele também é presidente do Independiente, um dos clubes mais tradicionais da Argentina.

622_5b9b1897-4828-3401-a560-7770e033d3b9

Moyano é presidente do Independiente desde 2014, mas é presidente do Sindicato de Motoristas de Caminhões desde os 18 anos de idade, e já foi deputado em Buenos Aires.

Se o governo intervém, nós paramos o futebol, o Boca fica fora da Copa Libertadores e a seleção volta da Copa América“, disse Moyano. Para o Boca, o negócio seria ainda mais cruel, pois ele foi eliminado ano passado da Libertadores, após confusão no jogo das oitavas-de-final, contra o rival River Plate.

A polêmica segue, pois hoje a AFA se reunirá com os ~interventores~ do IGJ para saber o que realmente eles farão na Associação.

Até o momento, a Argentina estreia na Copa América Centenário contra o Chile, na próxima segunda, e o Boca Juniors vai esperar o final do torneio continental de seleções para enfrentar o Indepedente Del Valle, pelas semifinais da Libertadores.

Fonte

E aí, você acha que os hermanos vão mesmo ficar de fora? Comenta aí!

Seja mais um Geraldo da Arena! Receba as nossas novidades direto do seu e-mail!