AG News Arena Olímpica

ParaPlantão #ArenaRio #2

dsc_0115

As emoções da Paralimpiada começaram! Nosso PARAplantão vem com os destaques do dia no Rio de Janeiro!

Não faremos como no Plantão das Olimpíadas. Dividiremos em: fatos (acontecimentos marcantes do dia no geral), heróis (histórias de vida dos campeões paralímpicos) e Brasil (como nossos heróis se saíram no dia).

Vamos lá?

FATOS

dsc00577

– Ao contrário dos Jogos Olímpicos – em que, junto com a medalha, o atleta ganhava uma réplica em 3D da logo oficial – o prêmio no pódio paralímpico é uma pelúcia do mascote Tom, com os cabelos pintados da cor laureada para o paratleta: dourado para ouro, prateado para prata e bronzeado para bronze.

– Os brasileiros vão precisar se acostumar com as restrições do público nas paralimpíadas. Numa partida de Goalball (para atletas com deficiência visual), é crucial ouvir o som do guizo que existe na bola. A arbitragem pediu silêncio várias vezes ao público que até fazia uma ola. Uma mãe precisou ser convidada a se retirar da Arena Carioca, pois seu bebê chorava muito.

– As vendas de ingressos atingiu uma marca importante: a segunda maior venda da história dos Jogos, perdendo apenas para os Jogos de Londres. Para algumas seções, não existem mais ingressos disponíveis.

HERÓIS

zulfiyagabidullinaswimcupeindhovenluxrevhvrwfl

– O primeiro recorde do atletismo nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 saiu logo na segunda final, o arremesso de peso masculino classe F32. O novo dono da marca é o grego Athanasios Konstantinidis, que anotou 10,39m e levou a medalha de ouro.

– A nadadora Zulfiya Gabidullinaa (foto), do Cazaquistão, de 50 anos, venceu a prova dos 100m livre S, com direito a recorde mundial (1m30s07).

– Tao Zheng, campeão paralímpico em Londres 2012, repetiu a dose nos 100m costas S6 no Rio (e com recorde). Agora ele pensa em se aposentar para… Estudar. Por conta de sua lesão – perdeu os dois braços com um choque elétrico na infância – não pode se alfabetizar.

BRASIL

ricardo_costa

– O primeiro pódio paralimpico foi nos 5000m masculino classe T11, e teve Brasil: Odair Santos foi medalha de prata, mas o CPB (Comitê Paralimpico Brasileiro) tentou contestar a medalha de ouro do paratleta do Quênia pois, segundo o CPB, ele não colocou a venda corretamente, o que poderia lhe dar alguma vantagem. Não colou, então ficamos com a prata mesmo.

– O primeiro ouro veio logo em seguida e com surpresa e emoção: Ricardo Oliveira ganhou o 1º lugar no Salto em Distância classe T11, vencendo o americano no último salto: 6,52m. E ele prometeu mais, vamos esperar!

– Continuando no atletismo Teresinha Guilhermina vai suar para manter o título paralímpico. As chinesas da prova dos 100m classe T52 estão rápidas, e tem semifinal hoje.

– Verônica Hipólito, no fim do dia bateu a marca Paralímpica com 12s84 na prova dos 100m rasos T38, na fase semifinal, mas ela foi recordista apenas por poucos minutos. Na segunda bateria, sua marca foi pulverizada pela britânica Sophie Hahn, que correu em 12s62. A briga por medalhas é hoje.

– Alan Fonteles não iniciou bem sua caminhada na Rio 2016. Por milésimos, acabou ficando de fora da final dos 100m T44. Ele ainda tem outras provas – inclusive a que é campeão, os 200m T44.

– Das pistas para as quadras. No basquete com cadeira de rodas, um passeio a favor e contra o Brasil: as meninas passaram a cadeira nas argentinas. Já no masculino, fomos atropelados pelos americanos.

– No Futebol de 7, o Brasil suou mas venceu a Grã-Bretanha por 2×1. Vai precisar tomar cuidado com a Ucrânia – seu último adversário na primeira fase – que simplesmente atropelou a Irlanda: 6×0.

– A natação fechou o dia com mais duas medalhas para o Brasil: Daniel Dias conquista facilmente um ouro nos 200m livre S5. Ele chegou 10 segundos à frente do 2º lugar, mas sua meta de bater recordes não foi alcançada. Sem problemas, pois essa é só a 16ª medalha na sua carreira!

– Pra fechar, um bronze surpresa e bem comemorado: Ítalo Pereira conqiustou o bronze nos 100m costas S7, contabilizando mais uma medalha para o Brasil!

===
Não deixe de conferir nossa página especial e o Quadro de Medalhas (terminamos em 5º ontem)!
Faltou alguma coisa? Comenta aí!

Seja mais um Geraldo da Arena! Receba as nossas novidades direto do seu e-mail!