AG News Arena Olímpica

Plantão #ArenaRio #10

Velho, ainda não preguei o olho, não tenho maturidade pra emoções assim…

Não sabe do que eu estou falando? Você foi dormir mais cedo, cara? Não viu a sensacional disputa de pênaltis entre Brasil e Australia pelo futebol feminino?
Com um 0x0 tenso, com Marta perdendo pênalti… Bárbara foi a nossa heroína, pegando duas cobranças decisivas!

20160813023243996328o

Além disso, claro, a medalha do nosso Rafael Silva, o Baby, que passou todo mundo pra baixo exceto o monstrão campeão mundial, o francês Teddy Riner. O único azar do brazuca foi encarar o francês nas quartas. Se fosse na final, teríamos prata, pois o Riner é imbatível!
Enfim, uma excelente medalha do Baby, que chegou desacreditado ao Rio e se superou!

baby

Vamos agora aos outros destaques do dia!

RECORDE

O primeiro recorde derrubado no atletismo caiu quase 23 anos depois. A etíope Almaz Ayana fez história, ao cumprir os 10.000 metros em 29.17,45 minutos, retirando quase 15 segundos à marca que estava na posse da chinesa Wang Junxia (29.31,78), e que vigorava desde setembro de 1993.

ATROPELOU

622_3a6f4954-67a3-3875-acb4-bcd26a86dd0a

– Surpresas na natação! Nos 50m rasos, o campeão mais jovem se tornou também o mais velho: Anthony Ervin, de 35 anos. Entre os ouros de Sydney e Rio ele chegou a se aposentar, e tentou até suicício!

– Micheal Phelps também perdeu – para o atleta de cingapura J. Schooling. Dois fatos importantes sobre isso: uma foto do Schooling com o Phelps em 2008, sem saber que bateria seu ídolo. Outra coisa foi o empate triplo entre Phelps, Le Clos e Cseh. Phelps não parecia triste, curtiu muito essa ~derrota~ e também o fato de subir ao pódio com três amigos que fez no esporte.

– Rafael Nadal estava embrasado mesmo! Fez um duelo muito ferrenho com o Bellucci, venceu e ainda teve fôlego para enfrentar a dupla romena na final do tênis de duplas. Primeiro ouro dele, e pode ter mais!

MICO

As americanas, que nunca haviam ficado fora de uma decisão olímpica no futebol foram eliminadas pela Suécia nas quartas-de-final. Hope Solo não se deu bem com essa eliminação e criticou as suecas. Zicou, hein, Solo? 😀

BOA, BRASIL!

2016-08-12t161810z_1228436077_rioec8c19a8a7_rtrmadp_3_olympics-rio-boxing-m-light

– Caio Bonfim disputou a prova da marcha atlética 20km e chegou em 4º lugar, a 5 segundos da medalha de bronze. Ele ficou muito tempo lá atrás, mas deu o gás e conseguiu essa marca sensacional! E FOI GENTIL COM A REPORTAGEM MESMO SEM MEDALHA, HEIN?

– As duas duplas brasileiras, Larissa/ Talita e Ágatha/ Bárbara, venceram seus confrontos por 2 sets a 0 e passaram para as quartas. Só se enfrentam na final!

– Robson Conceição já garantiu medalha, falta saber apenas a cor. Ele venceu Tobijaev do Uzbequistão e avançou as semifinais. Vai pegar o cubano Lázaro Álvares, atual bicampeão mundial.

– Tem cheirinho de medalha na Vela: Robert Scheidt subiu para a 2º colocação da classe Laser após 8 regatas. Na 49er feminina, Martine/ Kahena estão em 2º mas com apenas duas regatas.

IH, BRASIL…

bruno-fratus1

– Brasil deu uma vaciladinha no Pólo Aquático masculino e foi derrotado pela Grécia. Mas já está garantido na 2º fase, então está tudo OK.

– O judô terminou com 3 medalhas e uma única final disputada. Para o investimento e pela qualidade dos atletas, não pode ter sentimento menor que a decepção. Muitos atletas deixaram de seguir por conta de punições bobas nos finais das lutas.

– Nas piscinas, a decepção é ainda maior: nenhuma final e poucas marcas pessoais quebradas – até o tempo de classificação não era superado em algumas vezes. Se via um conformismo dos atletas em nadar para a torcida, mas não se via isso nas águas. Um exemplo disso foi a entrevista maleducada de Bruno Fratus ao SPORTV, ironizando sua prova, bem de longe do que ele costuma render. Dia ruim todos temos, mas… toda a equipe brasileira ter dia ruim ao mesmo tempo?

– Adriana Araújo não vai repetir sua campanha em Londres. Foi eliminada na primeira luta cornetando a arbitragem.

– Não foi nesta Olimpíada que o Brasil conseguiu a 1º medalha no tênis. Nas duplas mistas, Marcelo Melo e Teliana perderam para uma dupla americana. No individual, quartas de finais, Thomaz Bellucci chegou a vencer o 1º set contra Rafael Nadal mas tomou a virada. Mas se superou e deixou sua vibração e alma na quadra. Valeu Bellucci!

A IMAGEM DO DIA

ng7458242

Como comentamos lá em cima, o atleta de Cingapura Joseph Schooling foi o cara a desbancar Phelps, vencendo a prova dos 100m borboleta. Esta imagem não é de agora, mas foi batida 8 anos atrás, em Pequim. Phelps já era fenômeno, mas ainda não era mito. O garotinho aí de 13 anos é Schooling, e bateu a foto com seu ídolo – que certamente não lembrava dessa foto. Hoje, 8 anos depois, o fã desbanca o ídolo.


Faltou alguma coisa? Comenta ai!

Seja mais um Geraldo da Arena! Receba as nossas novidades direto do seu e-mail!