AG News

Uma disputa entre Torcidas Organizadas… do bem!

As torcidas organizadas são um espetáculo a parte nos estádios mundo a fora. Quem não se deslumbrou com a festa em uma decisão, mosaicos recebendo o time… No entanto, ultimamente, as TO – pra resumir o termo – vem se envolvendo em polêmicas com atos de violência dentro e fora das praças esportivas, deixando as autoridades – e os clubes, que sofrem punição pelos atos das TO – totalmente desesperadas.

O poder público não se manifesta sobre o assunto como ele merece ser tratado. Para tentar sair dessa mesmice, a Prefeitura de Fortaleza iniciou no dia de hoje uma espécie de gincana envolvendo as Torcidas Organizadas com sede no município. O Campeonato, chamado FESTA DA JUVENTUDE, tenta desvincular o caráter violento que as TO vem recebendo nos últimos anos.

estadio_presidente_vargas_mg_7128

As tarefas são diversas. No dia de hoje, por exemplo, as TO divulgam na Praça do Ferreira, algumas provas – tipo aquelas de mostra cultural de colégio, sabe? Exposição de camisas, de um ingresso antigo do clube, de uma letra de uma música de incentivo aos clube (sem depreciar adversários), um quiz, etc.

Em outro momento, haverá arrecadação de itens, como Alimentos não perecíveis, Água Potável, Notas fiscais e Canhotos do “Time Mania” e doação de sangue e medula óssea.

Uma das tarefas dessa gincana é justamente a tal FESTA nas arquibancadas. O interessante é que o regulamento exibe claramente pontuação negativa em caso de confusão.

Justo na primeira oportunidade de pontuar, Jovem Garra Tricolor e TUF (do Fortaleza) e Cearamor (do Ceará) foram proibidos, pelo Ministério Público, de frequentar o Castelão amanhã para o primeiro Clássico-Rei do ano. A decisão é sobre todo resumo da ópera (vide a final do Cearense do ano passado), mas transbordou tudo durante a partida entre Fortaleza e Sport, pelo Nordestão.

leao-cn

A questão é polêmica: as Torcidas Organizadas são como o coração da torcida nos estádios, mas também revelam o grave problema da violência na nossa sociedade, sendo usada pelos não-torcedores para seus delitos. A questão é que a culpa não é só das TO: polícia, organização do estádio, prefeitura, governo do estado, os clubes…

Confira o regulamento completo da gincana da prefeitura de Fortaleza aqui.


E aí, qual sua opinião sobre isso? As Torcidas Organizadas tem que acabar? Comenta aí!

Seja mais um Geraldo da Arena! Receba as nossas novidades direto do seu e-mail!