Religiosos x Torcedores: A batalha do Alianza Lima

Essa pancadaria aí aconteceu no estádio do Alianza Lima, o mais popular clube peruano. E se você acha que foi por causa de torcidas organizadas, você QUASE acertou.

No início da semana, fiéis de uma igreja evangélica invadiram o terreno ao lado do Estádio Alejandro Villanueva, casa do Alianza.

Eles chegaram com capacetes amarelos e cobriram com tinta as imagens de jogadores e do escudo do Alianza Lima que se encontrava no muro do terreno.

Segundo o l√≠der da igreja ‘El Aposento Alto’, a √°rea de 5 mil metros quadrados onde fica o estacionamento do est√°dio √© de propriedade da igreja desde 2016.

A igreja existe desde 1987, tem muitos seguidores no pa√≠s e se posiciona “contra o aborto e as pol√≠ticas de igualdade de g√™nero”.

Já a direção do clube afirma que administra o local há mais de quarenta anos.

Quando os torcedores do Alianza ficaram sabendo da a√ß√£o do grupo evang√©lico, entraram no est√°dio pela lateral e pegaram a equipe da igreja de surpresa com peda√ßos de madeira e pedras. A√≠ o pau cantou…

A polícia demorou a chegar, mas quando chegou desceu logo bombas de gás lacrimogêneo para dispersar os grupos.

Na confusão os religiosos aproveitaram a situação para contra-atacar e espancar um dos torcedores.

Após serem expulsos do terreno, os torcedores do Alianza voltaram durante a noite para repintar os muros apagados pelos religiosos.

Acusa√ß√Ķes e CENAS LAMENT√ĀVEIS √† parte, n√£o existe defini√ß√£o jur√≠dica sobre de quem √© a posse do terreno do entorno do est√°dio.

Fonte

QUE SITUAÇÃO, HEIN? Comenta aí!

Deixe uma resposta