Bolt se aposenta novamente – dessa vez no futebol

O jamaicano Usain Bolt anunciou, nessa semana, que está encerrando a sua carreira no futebol.

O multicampeão das pistas, 8 vezes campeão olímpico e 11 vezes campeão mundial decidiu, em 2018, tentar enveredar por outro esporte: o futebol.

Torcedor do Manchester United, Bolt decidiu após a aposentadoria ser jogador de futebol. Treinou por um tempo no Borussia Dortmund, da Alemanha, e num time norueguês chamado Strømsgodset.

Na Noruega, Bolt jogou como atacante em um amistoso contra a seleção local sub-19.

Ele jogou com a camisa “9,58”, número esse que lembra seu recorde mundial de 100 m rasos nas pistas.

Após mais uma série de treinos sem sucesso no sul-africano Melomedi Sundowns, a sua oportunidade chegou quando o Central Coast Mariners, da Austrália, o chamou para testes.

Nesse período, o Raio jogou duas vezes, e marcou dois gols (ambos na sua primeira partida), mostrando velocidade, oportunismo e “sorte” de centroavante.

Ao terminar o contrato de testes, as partes negociaram um contrato profissional para Bolt, mas os valores não bateram, e o ex-velocista ficou novamente livre no mercado.

Um clube de Malta, Valletta, chegou a sondar Bolt, mas a negociação não foi pra frente.

Essa então foi a derradeira tentativa de Bolt em jogar futebol. Agora aposentado de dois esportes, decidiu virar homem de negócios:

Eu estou fazendo tantas coisas agora. A vida esportiva acabou, então estou indo para diferentes ramos dos negócios. Tenho vários objetivos em mente. Estou tentando me organizar e ser um homem de negócios agora.

Foi uma boa experiência. Gostei muito de fazer parte de uma equipe e foi muito diferente do que vivi na pista. Foi divertido enquanto durou.

Fonte

Bolt foi tão rápido na sua carreira no futebol, não? Comenta aí!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *