A Arena Geral entra na onda dos Rankings de clubes.

Diferentemente de outros rankings (que vamos ilustrar na série AG Ranking), o RAC (Ranking Arena Geral de Clubes) foca no que dá mais alegrias ao torcedor: títulos.

Não somente o ato de levantar a taça, mas a briga do clube em chegar (ou pelo menos tentar chegar) nessa glória.

Esses são os critérios usados:

    • O campeão sempre é valorizado: em rankings diversos, a diferença do campeão para os demais não reflete a importância da conquista. Não que a regularidade no topo deixe de ser reconhecida, mas os títulos precisam ser ainda mais.
    • Nem todo mundo pontua: como o ranking prevalece os títulos, os outros pontuadores de determinado campeonato são aqueles que mais se aproximaram do título. Por isso, os campeonatos elencados tem apenas os quatro primeiros ganhando pontos.
    • Os melhores são os recentes: de nada adianta um time ter zilhões de conquistas se está há tempos longe dos títulos. Por essa razão, somente analisamos os campeonatos dos últimos 5 anos, reduzindo a pontuação correspondente conforme os anos passam. Afinal, quem tem título mais recente deve prevalecer.
    • Rebaixamento não tira pontos: só o fato de ficar longe de títulos já é “punição” suficiente. Não há necessidade de tirar pontos de times rebaixados.
    • Somente títulos NACIONAIS: resolvemos manter a abrangência do RAC no território brasileiro por uma questão prática: todos os times brasileiros tem a mesma chance de pontuar, sem interferência ou influência de algum clube estrangeiro. Podemos pensar em estender a abrangência (para a América do Sul ou para o mundo) em rankings futuros.

Você com certeza vai estranhar a posição de várias equipes, mas elas seguem esses critérios descritos acima. Não nos culpe se seu clube não levanta troféu há muito tempo!

A fórumula usada no RAC é, basicamente, a soma da pontuação correspondente a posição do clube em determinado campeonato (P) multiplicada pelo fator de peso anual (A).

Ou, para resumir:

Soma(P * A)

Sendo P obtido da seguinte tabela*:

CampeonatoCampeãoVice-campeão3º lugar4º lugar
Brasileirão Série A1000750700650
Brasileirão Série B600450420390
Brasileirão Série C300225210195
Copa do Brasil800600560520
Brasileirão Série D15011310598
Estadual Faixa 150383533
Estadual Faixa 290686359
Estadual Faixa 315011310598
Estadual Faixa 4250188175163
Estadual Faixa 5400300280260
Outros (Supercopa do Brasil)400300280260
Regionais (Copa do Nordeste, Copa Verde)500375350325

* As faixas estaduais são definidas ano a ano, e levam em conta a quantidade de clubes por estado no Brasileirão e os títulos conquistados por estado (com pesos maiores para divisões superiores).

A é calculado da seguinte forma:

AnoMultplicador
20171
20160,8
20150,6
20140,4
20130,2

Lembrando que as regras do RAC não são fixas, e mudanças podem ser feitas nos próximos rankings.

Para pesquisar o RAC deste ano e dos anos anteriores, clique aqui.