Um conto de Natal: o Dia que a Guerra parou

Na noite de Natal, temos a tradição de contar algumas estórias sobre o clima de solidariedade e de união que a data que celebra o nascimento de Cristo traz todos os anos.

Solidariedade e união são algumas coisas que o esporte traz (ou deveria trazer) para as nossas vidas.

E Natal e esporte combinam bem, como já vimos antes.

Só que hoje vamos contar, através do Nerdologia, um conto totalmente real: o Dia em que o Natal parou uma guerra através do futebol.

Em 1914, bem no início da Primeira Guerra Mundial, soldados alemães e britânicos se entrincheiraram em Ypres, Bélgica, próximo ao Natal.

A tensão entre as tropas foram reduzidas ao ponto de, na véspera de natal, se aventurarem na “terra de ninguém” – espaço entre as trincheiras – para trocar presentes, cantar musicas natalinas e até – pasmem – disputar uma partida de futebol.

Isso mostra que o ódio parte dos comandantes e dos líderes, não de todos os seres humanos.

Que o exemplo dos soldados possam trazer a nós esse mesmo espírito de solidariedade e união, tão desgastados ultimamente. E que o esporte possa ser instrumento disso!

Feliz Natal a todos os geraldos(as)!

Deixe um comentário